Just Dream
E eu não tenho ninguém pra ligar na madrugada, dizer: tá doendo pra caralho, vem me ver. Ninguém pra atravessar a cidade por mim.
home ask stuff send faq

“Sabe o que eu gosto? Álcool. Sim. Álcool. O efeito que ele me trás, a alucinação que o tal me dá. A vontade de viver. E de sentir viva sobre seus gestos. Gosto de seu efeito colateral. Gosto de gostar de tudo quando bebo. Gosto de dançar, brincar, brigar e me arrepender. Gosto de beber. No final, o melhor bem que me trás é saber que toda a sensação boa voltará com apenas umas pequenas e fortes doses do doce álcool.”
~ Ana Lua.  (via florejaste)



Nada como um dia após o outro dia.



“Não vou falar das suas qualidades (lindo, lindo, lindo-por dentro, por fora, do avesso) e virtudes, pois acho que elas importam e contam, mas não são fundamentais. Os defeitos sim, estes fazem a diferença. Gosto dos seus defeitos.”
~ Clarissa Corrêa. (via materializei)

“Às vezes você não consegue explicar o que você vê em uma pessoa. É apenas a maneira como eles levá-lo para um lugar onde ninguém mais pode.”
~ Unknown. (via nobroke)


“Eu ontem fui dormir todo encolhido, agarrando uns quatro travesseiros e chorando bem baixinho bem baixinho, baby, pra nem eu nem Deus ouvir. Fazendo festinha em mim mesmo como um neném, até dormir. Sonhei que eu caía do vigésimo andar e não morria. Ganhava três milhões e meio de dólares na loteria e você me dizia com a voz terna, cheia de malícia, que me queria pra toda vida. Mal acordei, já dei de cara com a tua cara no porta-retrato. Não sei por que que de manhã, toda manhã parece um parto. Quem sabe, depois de um tapa eu hoje vou matar essa charada. Se todo alguém que ama, ama pra ser correspondido; se todo alguém que eu amo é como amar a lua inacessível, é que eu não amo ninguém. Não amo ninguém. Eu não amo ninguém, parece incrível! Não amo ninguém e é só amor que eu respiro.”
~ Cazuza. (via delator)




O futuro é meu, crio nele a ilusão que eu quiser.


“Porque eu sou do tamanho daquilo que sinto, que vejo e que faço, não do tamanho que as pessoas me enxergam.”
~ Carlos Drummond de Andrade. (via interromper-se)

Theme